16 de julho de 2020

Exaustão emocional

Por EduTomazett

Infelizmente essa é uma realidade que atinge a maioria das mulheres nos dias de hoje. Em minhas aulas, sempre explico para os alunos terem uma atenção especial com o público feminino, principalmente com as mães jovens, que se desdobram em ser perfeitas em tudo: maternidade, trabalho, lar, esposa, vida pessoal, família, etc. Nossa sociedade cobra muito da mulher. Ela alcançou a independência financeira, os direitos de ir e vir, igualdade no tratamento, mas nada disso importa se por acaso alguma ponta ficar “solta”. Quer um exemplo? Vamos lá… 

Maria, uma mulher de 36 anos, casada, com um filho de 8 anos e gerente do departamento financeiro de uma empresa. Possui junto com seu marido uma vida estável, com as finanças equilibradas e possuem a rotina mais ou menos assim: Pela manhã, os dois acordam cedo, enquanto a Mãe arruma o filho para a escola, conferindo seu material de aula, lanche e a tarefa. Opa… faltou um exercício de matemática para ser feito. A Mãe ajuda, ele, enquanto termina de se arrumar e os 3 partem para o dia de trabalho. Filho na escola, e a Gerente chega no trabalho. Até a hora do almoço, a Gerente se organiza e realiza suas atividades o mais rápido possível com um profissionalismo invejável, pois ela precisará se ausentar na parte da tarde para levar o filho em uma consulta médica e já sofreu algumas retaliações no passado, por conta de sua licença maternidade. Hora do almoço, a Gerente sai do serviço, pega o filho na escola e a Mãe organiza o almoço, banho e prepara o filho para levar ao médico. No final do dia, a Mãe já está em casa, coloca o filho para fazer a tarefa e aguarda o marido para jantarem. Ao final da noite, a Esposa faz companhia ao marido.

Essa é uma história baseada em fatos reais, de algumas mulheres que eu conheço. E você, é ou conhece alguém assim? No exemplo, usei uma mulher, casada, com filho, mas pode ser também uma mulher solteira, sem filhos, mas que também precisa responder à pressões da sociedade. Exemplo: Vai casar quando? Ué, não vai ter filho? E aquela promoção no emprego?

Mas então quer dizer que apenas as mulheres sofrem pressão? Os homens possuem passe livre? Sabemos muito bem que é mais ou menos assim né? Os homens sofrem pressão? Sim, claro…  mas de longe não é uma pressão como a que as mulheres passam. E o que podemos fazer então? Para evitar a exaustão excessiva, ou o tão conhecido BURNOUT, diversas alternativas devem ser tomadas: Divisão melhor das tarefas, exercício físico, dieta rica em nutrientes, auto conhecimento, terapia, investir em entretenimento pessoal, …

Usando ainda o caso hipotético acima, como que a Maria vai conseguir no meio dessa rotina corrida tempo para isso tudo? É aqui que entramos com a Hipnoterapia! Com essa ferramenta, o hipnólogo leva o cliente a um estado de consciência completamente diferente. Durante o transe, o cérebro funciona de forma diferente, em frequência cerebral que é atingida apenas durante o sono profundo e ao mesmo tempo, permitindo que o hipnotizado tenha um certo controle da situação e consciência de tudo o que está acontecendo. Desta forma, um transe de cerca de 30 minutos, irá propiciar um descanso físico, mental e emocional muito superior ao de um sono de algumas horas de duração. Além disso, utilizamos técnicas durante o transe para propiciar o auto conhecimento da pessoa, uma aceitação melhor de quem realmente somos e também potencializar as motivações internas para que tenha energia suficiente para realizar suas próprias mudanças. Em resumo, a hipnose dá para a pessoa o poder de: “ter a serenidade para aceitar as coisas que eu não posso mudar, coragem para mudar as coisas que eu possa, e sabedoria para que eu saiba a diferença: vivendo um dia a cada vez, aproveitando um momento de cada vez; aceitando as dificuldades como um caminho para a paz.”

E a terapia com hipnose fornece uma ferramenta única, que promove a independência: AUTO-HIPNOSE. Após algumas sessões, o cliente conseguirá fazer auto-hipnose e poderá obter resultados incríveis, sempre que precisar, seja onde estiver. Com essa ferramenta você poderá se livrar de dores, crises de ansiedade e principalmente: Fugir da exaustão e evitar o burnout!